Voltar publicado em 22/06/2009 às 16:31 | Categoria: Estudos.


O EMPENHO DE DAVI PARA LEVAR A ARCA PARA JERUSALÉM

 Certo dia fui tomado pela surpresa ao ler o texto de II Samuel 6:1-15, que trata do levar a Arca da aliança para Jerusalém.

A história é tomada por um momento trágico, onde após os bois tropeçarem, a arca é segura por UZÁ, um Levita, que ao tocar na Arca morre instantaneamente, pois ninguém poderia tocar nela, sem ser morto.
Davi deixa a arca na casa de Obede-Edom e quando recebe a notícia que a casa deste estava prosperando e que em três meses a benção pela presença de Deus estava instaurada em suas vidas, fica obcecado para trazer a arca para Jerusalém.
O texto acima mostra algumas curiosidades e que quero que entendas e apliques estes princípios em sua vida:
1) Davi toma 30 mil homens para buscar a arca. Será que era necessário todo este contingente?
2) Da casa de Obede-Edom até Jerusalém os estudiosos dizem que a distância era de 25 Km e eles gastaram um período de tempo de aproximadamente 6 meses para levarem a arca.
3) Diz ainda que a cada 6 passos faziam um sacrifício de 14 cabeças de animais. Imagine que 6 passos correspondem a 3 metros, em 25 Km devem ter sido feitos aproximadamente 8.333 sacrifícios.
4) Se para cada sacrifício, matavam-se 14 cabeças, então chegamos a conclusão que foram mortos aproximadamente 116.662 animais.
 
Talvez você pergunte, mas que aplicação tem isto para minha vida?
Quero deixar alguns princípios que poderão ser observados por nós:
 
1) Fazer a obra (ou trazer a arca) não pode ser feito de qualquer forma e não pode ser sem princípios, pois isto pode nos levar a morte espiritual.
 
2) Onde está a arca de Deus (Sua presença), ali estará a bênção. Fui isto que aconteceu com a casa de Obede-Edom e o que Davi sabia que aconteceria se a arca estivesse em Jerusalém. Logo, leve a presença de Deus para sua casa.
 
3) O que fazemos para Deus, que parece ser um sacrifício, retornará em bênção para nossas vidas e mais, toda oferta que plantarmos no Reino produzirá frutos a 30, 60 e 100 por 1.
 
4) Adore a Deus com todas as tuas forças, pois isto alegra o coração do Pai. Isto aconteceu com Davi e certamente acontecerá conosco também.
 
Que Deus te abençoe.
 
Pr. Azevedo Pinheiro
Todos os Direitos reservados - Desenvolvido por juniormanweb